cirurgia ortognática antes e depois

Cirurgia Ortognática antes e depois

O procedimento conhecido como Cirurgia Ortognática antes e depois faz uma enorme diferença na vida da pessoa que passa por esta intervenção. Trata-se de uma cirurgia funcional, e seu caráter não é estético, porém, ela "ganha" esse foco estético quando você coloca os maxilares no seu adequado posicionamento, fazendo com que a face do individuo mude, muitas vezes, radicalmente para melhor.

A definição de cirurgia ortognática antes e depois vem do latim Orto que significa correto, e gnatos, que vem de maxilares. Portanto significa colocar os maxilares na sua melhor relação, para promover estética facial e uma melhor mordida. Esse tratamento pode ser realizado antes e depois da cirurgia. Em alguns casos, a cirurgia pode ser realizada antes mesmo do tratamento ortodôntico.

Indicações para cirurgia ortognática antes e depois

A intervenção é indicada para pessoa que possuem uma desarmonia facial, que pode ser mais do que um problema estético. A assimetria facial ocorre nestes casos e essa alteração normalmente começa durante a fase de crescimento e se estabiliza na idade adulta, fruto do crescimento exagerado ou inadequado de algum dos ossos que envolvem a face, como mandíbula, maxilar, queixo, nariz ou a maçã do rosto. Confira quais problemas a cirurgia pode evitar:

  • Retração da gengiva;
  • Desgaste na articulação temporomandibular;
  • Artrose da articulação temporomandibular;
  • Apneia obstrutiva do sono.

A fase de avaliação e preparação é longa, de cerca de um ano e meio. Durante esse período, o tratamento ortodôntico vai procurar corrigir a mordida e a função mastigatória com o uso de aparelhos ortodônticos convencionais, colaborando com resultados mais rápidos após a cirurgia.

Detalhes da cirurgia ortognática antes e depois

Antes de realizar a cirurgia ortognática, é feito um planejamento virtual, ou seja, ela é realizada antes no computador para que depois todas informações sejam transportadas para o centro cirúrgico. O melhor é que o paciente não fica com nenhum tipo de cicatriz. O procedimento é inteiramente realizado por dentro da boca, alterando a forma da maxila, mandíbula e cornetos.

A recuperação ocorre sem dor, mas o recomendado é que o paciente fique fora de suas atividades e trabalho por pelo menos 15 dias, sendo ideal três semanas. Na primeira semana de pós-operatório, a pessoa deverá se alimentar de líquidos, e, depois, gradativamente vai iniciar com os alimentos pastosos. Já as carnes são alimentos liberados apenas depois de três meses, e atividades físicas depois de seis ou nove meses.

  • Como qualquer procedimento cirúrgico, a ortognática possui seus riscos;
  • Após a cirurgia, o paciente deve continuar utilizando aparelho ortodôntico entre seis e doze meses;
  • Para otimizar os resultados do procedimento também pode ser usado um laser de baixa intensidade no pós operatório;
  • O procedimento é eletivo, portanto de menor risco.

O resultado, no entanto, traz melhoras significativas tanto na estética facial quanto na qualidade de vida dos pacientes, devolvendo a harmonia e a beleza do rosto. A cirurgia ortognática antes e depois consegue aliar funcionalidade e melhoria da qualidade de vida envolvendo baixo risco e efetividade de resultado.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Odonto atende cirurgia ortognática antes e depois:


ANS

0800 730 7373

atendimento@idealodonto.com.br

Ouvidoria

4003 3428

ouvidoria@idealodonto.com.br

Cartões