dente inflamado

Como tratar dente inflamado

Dente inflamado trata-se de uma inflamação dolorosa da polpa dentária que é a parte mais interna no dente, onde se localizam os vasos sanguíneos e os nervos responsáveis pela vitalidade do dente. Tecnicamente é chamada de pulpite. A dor no dente afetado pode ser bastante intensa, sendo mais frequente na presença de estímulos. Para solucionar o problema a pessoa deve agendar consulta com o dentista o quanto antes.

Quando o dente inflamado se encontra afetado e impossível de ser salva por entrar em degeneração, a dor persistirá mesmo após a eliminação do estímulo como a mastigação ou ingestão de alimentos e bebidas quentes ou frios e poderá mesmo aparecer naturalmente, ou seja, de forma espontânea.

Quando acontece dente inflamado

As dores ocorrem quando se verifica uma agressão ao dente, levando a um aumento de volume da polpa em consequência do aumento de fluxo sanguíneo na região. De entre as causas mais frequentes a cárie dentária se das demais. Trata-se efetivamente, uma doença ou processo patológico infecioso e contagioso que pode afetar os dentes após a sua erupção na cavidade oral. Confira mais detalhes sobre o problema:

  • A cárie pode ocorrer desde os primeiros anos de vida, nos dentes de leite e também nos permanentes;
  • A cárie acontece também na terceira idade, não sendo por isso uma doença específica de determinada faixa etária;
  • O problema provoca dor já em um estágio mais avançado;
  • Por este motivo são importantes as consultas regulares com o dentista.

Outras causas que podem desenvolver uma situação de pulpite passam por eventuais traumatismos, como por exemplo quedas e pancadas. Mais raro situações específicas de trauma crônico podem também estar na base do aparecimento de pulpites, tais como: o bruxismo e a mastigação incorreta ou desequilibrada.

Sintomas de dente inflamado

Os sintomas de dente inflamado, salvo raras exceções, manifestam-se essencialmente pela existência de dor no dente afetado que pode ser bastante intensa, tornando-se com a evolução cada vez mais latejante e de maior duração com tendência a difundir-se.

Na pulpite aguda, a desorganização e degeneração da polpa dentária ocorre num curto espaço de tempo. A dor que provoca é normalmente contínua, forte e difusa. A duração da pulpite aguda pode variar em média entre dois dias e duas semanas, reagindo fortemente aos estímulos externos, principalmente às alterações de temperatura.

Quando dente inflamado se torna crônico

No dente inflamado classificado como problema crônico os processos inflamatórios instalam-se ou evoluem de uma forma mais lenta ou demorada, verificando-se uma degeneração da polpa mais tardiamente quando comparada à pulpite aguda. Caso o dente inflamado não regrida ou não seja tratada atempadamente, haverá uma progressão da mesma instalando-se uma pulpite irreversível, implicando um tratamento muito mais invasivo, nomeadamente endodôntico, comprometendo assim a vitalidade do dente.

Com o agravar da doença, ou seja, numa fase mais avançada, a dor tende a agravar-se mais a ponto de se tornar intolerável, pulsátil e constante que aumenta ao deitar e que tende a aliviar com o frio e a exacerbar com o calor. Portanto é fundamental que o dentista seja procurado quando a pessoa sente este problema.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Odonto atende dente inflamado:


ANS

0800 730 7373

atendimento@idealodonto.com.br

Ouvidoria

4003 3428

ouvidoria@idealodonto.com.br

Cartões