dentista ortodontia

Dentista ortodontia: saiba do que cuida o ortodôntico

A odontologia é uma ciência bastante abrangente e possui especialidades e especialistas que tratam de determinadas áreas como o dentista ortodontia, que trabalha na correção do posicionamento dos dentes e do maxilar. Normalmente, pessoas que possuem problemas que devem ser tratados com aparelho ortodôntico, como é o caso de quem tem dente torto, desalinhado ou cujo um ou mais dentes tenha nascido fora do lugar, precisam buscar atendimento de um dentista ortodontia.

Mais do que simplesmente uma questão estética, que é bastante importante, arrumar o posicionamento dos dentes é essencial para que eles possam ser higienizados por igual e para que aprimorem a mastigação dos alimentos, evitando inclusive problemas digestivo. Além do mais, cuidar dos dentes auxilia na dicção de um indivíduo e o ajuda a respirar melhor, sendo benéfico para pacientes que sofrem de apneia do sono – o popular ronco. Isso sem contar nos problemas de ATM (articulação temporomandibular) que são solucionados por meio de tratamentos ortodônticos. Ou seja, o dentista ortodontia tem grande importância na qualidade de vida de uma pessoa, seja por questões estéticas ou funcionais de saúde.

Quando procurar por um dentista ortodontia?

Se o seu caso se trata de desvio em algum dente ou de algum outro problema que envolva a estrutura óssea bucal, certamente é o dentista ortodontia a pessoa a quem se deve recorrer. E antes de iniciar qualquer tratamento, esse especialista irá solicitar o histórico odontológico e até médico do paciente, um exame clínico, moldes e fotografias e radiografias específicas de tratamento ortodôntico. E entre os casos mais comuns tratados pelo dentista ortodontia, estão:

  • Mordida cruzada – quando a arcada superior não se encaixa como uma tampa, pouco a frente da inferior, e sim ao contrário;
  • Mordida aberta – que é quando há um espaço entre as superfícies de mordida dos dentes anteriores ou os laterais, e configura na junção da dentição posterior;
  • Desvio de linha mediana – esse também é um clássico, que é quando o centro da arcada superior não está alinhado com o da inferior;
  • Diastema – aqui trata-se de um quadro marcado pela ausência de dentes ou por espaços excessivos entre eles;
  • Apinhamento – já esse caso é o contrário do anterior, pois é quando há mais dentes para o tamanho da arcada dentária, na realidade a quantidade de dentes não é maior, mas sim a arcada que é pequena.

Tratamento ortodôntico via aparelho

A maioria dos casos que necessita da assistência de um dentista ortodontia pode ser resolvida mediante o uso de aparelhos ortodônticos. Entre as opções existentes destacam-se o aparelho fixo (que pode ser o tradicional, metalizado, o estético, transparente ou o lingual), o aparelho fixo especial, o alinhador, o mantenedor de espaço fixo, os niveladores, os mantenedores de espaço móveis, os aparelhos reposicionadores de mandíbula, o expansor palatino, o contentor móvel e o aparelho extra bucal. Cada tipo desse tem sua particularidade e deve ser aplicado conforme a necessidade do paciente, às vezes pode ser necessário que uma pessoa faça uso de mais de um ao mesmo tempo.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Odonto atende dentista ortodontia:


ANS

0800 730 7373

atendimento@idealodonto.com.br

Ouvidoria

4003 3428

ouvidoria@idealodonto.com.br

Cartões