dor no maxilar ouvido e pescoço

DTM por trás da dor no maxilar ouvido e pescoço

Sentir dor em qualquer parte do corpo é algo que interfere direta e negativamente na qualidade de vida de uma pessoa. Agora, quando se trata de dor no maxilar ouvido e pescoço, aí então é algo que basicamente atrapalha todo o dia, pois prejudica em atividades básicas como abrir e fechar a boca, seja para falar, mastigar, sorrir ou dar um beijo em alguém. Isso tudo além de não permitir que a pessoa desfrute de uma audição plena ou que movimente sua cabeça, mexendo o pescoço sem qualquer percalço.

Tais atividades são realizadas centenas de vezes todos os dias, e por isso, quando há uma dor no maxilar ouvido e pescoço, ela deve ser tratada o quanto antes para que a pessoa possa ter uma vida normal. E geralmente, quando se trata de dores nessa região é porque há alguma disfunção temporomandibular, também conhecida por DTM. Diversos problemas na articulação temporomandibular (ATM), região que liga a mandíbula ao crânio, na parte anterior a orelha, e que leva o paciente a sentir dor no maxilar ouvido e pescoço.

Principais causas de dor no maxilar ouvido e pescoço

Sofrer com dor no maxilar ouvido e pescoço está relacionado com a DTM na maioria dos casos, e essa disfunção pode ter diversas causas, devendo ser tratadas exclusivamente por um ortodontista ou por mais de um especialista, contando com a assistência de um médico, de um psicólogo ou de algum outro profissional da saúde. E isso acontece porque as razões que compõem um quadro de disfunção temporomandibular podem estar relacionadas ao bruxismo, ao hábito de roer unhas, de mascar chiclete excessivamente, de apoiar a mão na mandíbula de forma recorrente, ou ainda pode estar associada a um quadro de depressão e estresse. Fora isso há a predisposição genética, que também conta muito, e tais situações podem levar a:

  • Um excesso de tensão sobre a musculatura do sistema mastigatório;
  • Algum trauma na própria articulação mandibular;
  • Problemas na articulação relacionados a doenças degenerativas como osteoporose e artrite reumatoide;
  • Ou mista, que que junta distúrbios na articulação e na musculação.

Tratamento para DTM

Quando a dor no maxilar ouvido e pescoço for diagnosticada pelo especialista, após a realização de exames, como associada a uma disfunção temporomandibular, o paciente deverá iniciar algum tratamento para corrigir esse problema o quanto antes. E entre as opções para que uma pessoa se trate de uma DTM e se livre de dor no maxilar ouvido e pescoço e de outros sintomas desagradáveis relacionados a esse quadro, pode-se recorrer a placas de mordida (especialmente no caso de bruxismo); exercícios de fonoaudiologia para relaxar, alongar e fortalecer os músculos; atividades fisioterapêuticas, para aprimorar a mobilidade na região e acupuntura.

Fora tais alternativas, o ortodontista pode recomendar o uso de medicamentos relaxantes ou então, em casos mais severos, em que a terapia convencional não tenha apresentado bons resultados, indicar a realização de uma intervenção cirúrgica como último recurso. Portanto, se a dor no maxilar ouvido e pescoço é recorrente e o indivíduo não sabe do que se trata, deve procurar por um ortodontista.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Odonto atende dor no maxilar ouvido e pescoço:


ANS

0800 730 7373

atendimento@idealodonto.com.br

Ouvidoria

4003 3428

ouvidoria@idealodonto.com.br

Cartões