retração gengival

Como tratar retração gengival

O tratamento da retração gengival é uma das principais causas para consultas ao dentista. Além dos danos estéticos ao sorriso, a recessão das gengivas traz consigo dores e até mesmo riscos para fraturas e perdas dentárias. O desafio é que o problema pode aparecer até mesmo em indivíduos com excelente padrão de escovação.

A intervenção do Dentista varia de acordo com as causas. A mais comum é a periodontite, uma doença infecciosa associada à higienização oral deficiente cujos resultados é a reabsorção das gengivas e do osso que circunda as raízes dentárias. A terapia básica envolve a raspagem da placa bacteriana e tártaro localizados junto e abaixo das gengivas.

Fatores para retração gengival

A pressão excessiva das cerdas das escovas dentárias contra os tecidos gengivas – o trauma gengival por escovação também é um fator para o surgimento da retração gengival. Normalmente a situação ocorre de maneira mais rápida em indivíduos com gengivas finas e delicadas. Confira outras condições que podem potencializar o problema:

  • Possuir a condição conhecida como freios labiais;
  • Dentes mal posicionados;
  • Tratamento ortodôntico mal realizado;
  • Doenças gengivais infecciosas.

O biotipo gengival fino requer atenção redobrada do paciente no momento da limpeza. Para se ter uma noção da fragilidade dos tecidos gengivais delicados, até mesmo o fio dental pode ser o motivo para o aparecimento precoce retração gengival. Palitos de dentes, escovas interdentais ou instrumentos de higienização indicados para pacientes em tratamento com aparelho ortodôntico também trazem riscos.

Medidas contra retração gengival

Gengivas finas expõe as raízes dentárias com maior facilidade quando a causa para o problema é a periodontite, a doença infecciosa associada às bactérias presentes na placa e tártaros acumulados juntos e internamente aos dentes. Nesta hipótese a recuperação da retração gengival é mais complexa comparado às retrações causadas pelos traumas durante a higienização dos dentes.

A cirurgia plástica gengival para recobrimento de raízes expostas é indicada para a retração gengival que tem como causas a higienização traumática recessões próximas a freios labiais e casos isolados causados por doenças periodontais, mais raros. A cirurgia plástica gengival sem enxertos é uma solução rápida porém restrita a situações específicas.

Técnica cirúrgica para retração gengival

Os enxertos gengivais são mais versáteis e resolutivos para reconstituir os danos estéticos, Indicados para o tratamento de gengivas retraídas por excesso de força durante a higienização dos dentes. O recobrimento cirúrgico através de enxertos é menos favorável em indivíduos com o biotipo gengival fino e delicado. Ainda assim, é a técnica mais resolutiva e durável comparada à cirurgia gengival sem enxertos.

A prevenção da retração gengival associada ao trauma de higienização não é difícil. O mais importante é consultar o dentista para identificar recessões precoces e riscos mais elevados para raízes dentárias expostas. Converse com o profissional para usar o fio dental de maneira eficiente. Um padrão adequado para uso do fio dental e outros instrumentos para higienização dos dentes para não perder a eficiência na remoção da placa bacteriana ao mesmo tempo em que não se machuca a gengiva.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Odonto atende retração gengival:


ANS

0800 730 7373

atendimento@idealodonto.com.br

Ouvidoria

4003 3428

ouvidoria@idealodonto.com.br

Cartões