tártaro no dente

Tártaro no dente deve ser resolvido pelo dentista

O tártaro nada mais é que o acúmulo de bactérias presas aos dentes, vivendo e se multiplicando. E isso causa uma série de problemas de saúde. Também conhecido como cálculo, o temível tártaro quando não é tratado pode provocar a formação de cáries. O problema afeta também a aparência do seu sorriso, já que ele deixa uma camada amarelada que pode ser vista nos dentes mesmo após escová-los. Quando a pessoa percebe o tártaro deve procurar o dentista, pois nenhum outro tratamento será possível.

A limpeza bucal diária e correta é o que vai livrar o surgimento do problema de tártaro no dente. Escovação, uso do fio dental e enxaguante são seus aliados nessa tarefa. Para potencializar a prevenção, o paciente deve investir em uma alimentação balanceada, rica em nutrientes e minerais.

Como é feito o tratamento de tártaro no dente

Quando o tártaro já ganhou espaço existe um meio de resolver isso: indo ao dentista. Ele só poderá ser removido adequadamente através de uma raspagem realizada pelo cirurgião dentista. Existem casos em que o tártaro não é removido em apenas uma sessão. Para quem usa aparelho ortodôntico é exigido um esforço maior na higiene bucal preventiva, mas nada impossível. A remoção é bem semelhante. O mais importante é a manutenção em casa.

Outros prejuízos do tártaro no dente

O mau hálito é bem comum para pessoas com tártaro no dente, além de deixar um gosto desagradável na boca. E como se não bastasse, o inimigo amarelado ainda provoca problemas periodontais. Os problemas periodontais são retração gengival e perda óssea. Essa perda pode ser paralisada com o tratamento correto, mas se não tratada pode ser tão grande que o dente é perdido. E isso pode acontecer com todos os dente da boca.

  • Para evitar tártaro no dente escove os dentes pelo menos três vezes ao dia;
  • Use fio dental todos os dias para retirar restos de alimentos que a escovação não conseguiu;
  • Visite o dentista a cada seis meses para uma manutenção periódica;
  • Troque a escova de dente entre três e quatro meses de uso.

O tártaro não só prejudica a saúde dos seus dentes e gengivas, mas também é um problema estético. Substância porosa, o tártaro absorve as manchas com mais facilidade. Assim, para aquelas pessoas que fumam ou tomam chá ou café, é ainda mais importante que evitem a formação do tártaro.

O tártaro supragengival é mais fácil de ser retirado, já que permite a utilização de instrumentos manuais, como os extratores de tártaros. Contudo, o ultrassom também pode ajudar. Já o subgengival requer uma técnica mais apurada para ser raspado abaixo da gengiva.

Para o paciente que tem tártaro no dente e deixa de tratar por falta de dinheiro para pagar uma consulta particular a saída é cotar um plano odontológico. Nele a mensalidade fica em um preço bem mais em conta e o titular pode incluir dependentes e garantir tratamento contra tártaro no dente, pois este procedimento tem cobertura.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Odonto atende tártaro no dente:


ANS

0800 730 7373

atendimento@idealodonto.com.br

Ouvidoria

4003 3428

ouvidoria@idealodonto.com.br

Cartões